domingo, 29 de novembro de 2020

‘Hostel do tráfico’ é interditado em Arraial do Cabo

Policiais realizaram o sequestro de bem imóvel. Foto: PCERJ

Um imóvel avaliado em R$ 550 mil, que funcionava como hostel em Arraial do Cabo, na Região dos Lagos, foi interditado em uma operação do Ministério Público do Rio (MPRJ) em parceria com a Polícia Civil, nesta segunda-feira (5). De acordo com as investigações, a propriedade teria sido adquirida com recursos provenientes do tráfico de drogas.

Segundo a Polícia Civil, os agentes identificaram que o chefe do tráfico na comunidade da ‘Coca Cola’, localizada na região central de Arraial do Cabo, adquiriu o imóvel, dando ao estabelecimento comercial nome que faz referência ao seu próprio filho.

O inquérito revelou que os criminosos conseguiram ocultar a compra e a origem do valor utilizado na aquisição, bem como as pessoas que auxiliaram na empreitada, o que motivou o indiciamento de três indivíduos pela prática do crime de lavagem de dinheiro. Houve ainda a decretação da prisão preventiva do traficante, assim como de medidas cautelares de sua esposa e irmão, diretamente envolvidos no fato.

Ao todo, a ação ocorreu em continuidade às investigações referentes à operação ‘Coca Zero’, por meio da qual foram cumpridos 33 mandados de prisão. Ainda no mesmo município, foi realizada uma outra ação estratégica também da Polícia Civil.

Policiais da Delegacia de Engenho de Dentro (25ª DP), com o apoio de agentes de delegacias da Região dos Lagos, realizaram uma operação para cumprimento dos mandados foi batizada de Líbero e é fruto de uma investigação que visa desarticular uma organização criminosa voltada ao tráfico de drogas atuante no distrito de Monte Alto, em Arraial do Cabo.

Ao todo, foram cumpridos 11 mandados de prisão preventiva, três mandados de busca e apreensão de adolescentes e cinco mandados de busca e apreensão domiciliar. Os fatos apurados pela 25ª DP demonstraram que o líder do grupo está escondido na comunidade Parque União, no Complexo da Maré. De lá, ele comando o tráfico no município da Região dos Lagos, para onde se desloca algumas vezes.

Além de Arraial, foram cumpridos mandados também em Cabo Frio, na Região dos Lagos, em Teresópolis, na Região Serrana, e no Rio de Janeiro. Até o momento, nove pessoas foram presas e dois adolescentes foram apreendidos.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

2 thoughts on “‘Hostel do tráfico’ é interditado em Arraial do Cabo

  1. Isso não é nada .o prefeito atual lotou as praias de bandidos .traficantes q/até ameaça é nós expulsa das casas só p votar nele nessa eleição.olha o povo tá sofrendo c festas regradas a álcool e drogas c menos de é muita armas .estamos revés deles.pior q a polícia de lá não faz nada pq como diz os bandidos eles molham as mãos dos policiais p p coisas rolar.

  2. Pois è tem policia que não se conrompe, e tem as outras que é coruptos ajuda bandido, e ainda ameaça as familias de bem, em todo o estado é desse jeito. veja eu comprei uma casa junto com meu ex marido a mais de 25 ele morreu eu nao estava presente, o filho dele soube que a casa estava so arombou a porta levou tudo que tinha dentro e ainda colocou bandido para mora dentro isso em sao Pedro da Aldeia, eu descobri que o tele que estava no portao era de um policial conhecido dele, ele ja foi preso por roubo e morte saiu em tempo de natal e nunca mais voltou para cumpri o resto da pena, porque tem as costa quente. Esse cistema coruptos deixa as pessoas a merce.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *