sexta, 23 de outubro de 2020

Jovem baleado no Salgueiro é encontrado morto

João Pedro Matos Pinto, 14 anos, foi encontrado morto no IML de Tribobó. Foto: Arquivo Pessoal

O adolescente João Pedro Matos Pinto, de 14 anos, que estava desaparecido após ser baleado durante uma operação da Polícia Federal no Complexo do Salgueiro na tarde desta segunda-feira (18) foi encontrado morto na manhã desta terça-feira (19).

De acordo com informações de familiares, o corpo da vítima foi encontrado, após 17 horas de busca, no Instituto Médico Legal (IML) de Tribobó, em São Gonçalo.

A Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI) instaurou inquérito para apurar a morte do adolescente.  Foi realizada perícia no local e duas testemunhas prestaram depoimento na delegacia. Os policiais foram ouvidos e as armas apreendidas para confronto balístico. Outras diligências estão sendo realizadas para esclarecer as circunstâncias do fato.

O caso

João Pedro foi baleado no quintal de casa durante uma operação da Polícia Federal com apoio da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, na tarde desta segunda-feira (18).

De acordo com informações da própria PF, a operação contou com apoio de veículos blindados, aeronaves e lanchas, com o objetivo de combater o tráfico de armas e drogas na localidade. Durante a ação, moradores relataram intensa troca de tiros entre criminosos e policiais.

Familiares relataram que o adolescente teria sido atingido nesse tiroteio e socorrido de helicóptero pelos policiais. No entanto, desde que isso aconteceu, eles não teriam recebido mais nenhuma notícia sobre a vítima -até a manhã desta terça-feira (19), quando o corpo foi encontrado.

Procurada, a Polícia Federal ainda não se manifestou sobre o caso. 

Já a Polícia Civil informou que a ação visava cumprir dois mandados de busca e apreensão contra lideranças de uma facção criminosa.

“Durante a ação, seguranças dos traficantes tentaram fugir pulando o muro de uma casa. Eles dispararam contra os policiais e arremessaram granadas na direção dos agentes. No local foram apreendidas granadas e uma pistola.  O jovem foi ferido e socorrido de helicóptero. Médicos do Corpo de Bombeiros prestaram atendimento, mas ele não resistiu aos ferimentos”, informou a nota.

Despedida

Familiares e amigos da vítima estiveram no IML na manhã desta terça. Foto: Ibici Silva

Entre os familiares e amigos que se reuniram no IML na manhã desta terça estava um dos tios da vítima; o pastor da igreja que a família frequentava e um representante da associação de moradores da comunidade. No entanto, ninguém quis conversar com a imprensa sobre o caso.

O sepultamento da vítima está marcado para às 16h desta terça-feira (19). O local, no entanto, ainda não foi divulgado.

Repercussão

O caso tomou conta das redes sociais na manhã desta terça-feira (19). A hashtag “#procurasejoaopedro” ocupava o primeiro lugar dos Assuntos do Momento do Twitter às 8h30. Diversas figuras públicas compartilharam a foto do adolescente e cobraram um posicionamento das autoridades responsáveis pela segurança pública.

Bope

Policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar realizaram uma operação na manhã desta terça-feira (19) na mesma comunidade. Até às 12h, no entanto, não houve registro de apreensões ou prisões. 

Publicada às 9h30. Atualizada às 12h10.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *