sábado, 15 de maio de 2021

Libertada idosa que era mantida em cativeiro em Pedra de Guaratiba

Operação, Polícia Civil, Ação, Polícia, policiais
Os agentes apuraram junto a familiares que a vítima deixou sua casa no Maranhão, em 1969, e somente agora foi encontrada por uma sobrinha. Foto: Pedro Conforte

Uma senhora, de 75 anos, que era mantida em cárcere privado em uma casa na Praia da Brisa, em Pedra de Guaratiba, Zona Oeste do Rio, foi resgatada por policiais civis da 43ª DP (Guaratiba), nesta terça-feira (13). Os agentes chegaram ao local após denúncias de uma amiga da sobrinha da vítima.

Os policiais encontraram a idosa trancada em uma residência sem condições de higiene, magra, debilitada, vestindo trapos e em meio a fezes de animais, que conviviam com ela no quintal da casa.

Ao ser abordada, a idosa informou que não tinha a chave do imóvel e que era mantida no local por outra pessoa, que não a deixava sair e nem falar com ninguém.

Os agentes apuraram junto a familiares que a vítima deixou sua casa no Maranhão, em 1969, e somente agora foi encontrada por uma sobrinha.

A equipe da 43ª DP foi ao local e autuou a mulher que mantinha a idosa em cativeiro por cárcere privado, redução à condição análoga à escravidão e maus-tratos a animais, já que os cães que estavam sem alimentação e sem condições de higiene.

Os agentes também estão apurando se a dona do imóvel onde a vítima foi encontrada se apropriava da pensão de aposentadoria dela. Questionada, a idosa sequer sabia que recebia tal benefício.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');