quinta, 22 de outubro de 2020

Moradores do Fonseca pedem socorro através de cartaz

O cartaz foi pendurado em um poste na Alameda São Boaventura (Foto: Alex Oliveira)

Na manhã deste sábado (26), moradores e lojistas do Fonseca, Zona Norte de Niterói, colocaram um cartaz pedindo mais segurança no bairro. A ação pretende chamar atenção dos governantes. 

Segundo moradores, os assaltos e arrastões acontecem a qualquer hora do dia. Audaciosos os criminosos nem se preocupam com câmeras de segurança.  

Desde o início de janeiro deste ano, crimes se tornaram constantes na Rua Carlos Maximiliano, conhecida como “Rua do Perdeu”. Um deles foi no dia 14, que resultou em quatro veículos roubados. 

No último dia 23, dois criminosos em uma motocicleta, sendo um deles armado, assaltaram um homem em um escritório de advocacia, na Rua Desembargador Lima Castro, que liga a Alameda São Boaventura ao bairro do Cubango. A ação aconteceu por volta das 13h e foi registrada pelo circuito de monitoramento. 

Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP), a área da 78ª DP (Fonseca), teve um aumento de 29% de roubos de rua, entre o ano de 2017 e 2018, saltando de 1.331 ocorrências para 1.717 casos registrados ao longo do ano.

O 12º BPM (Niterói), batalhão responsável pelo policiamento na região, informou que reforçou o policiamento no bairro e que a unidade está com um planejamento operacional focado para cessar a ação de criminosos na área. 

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *