segunda, 17 de maio de 2021

Onze anos de escravidão: Casal de São Gonçalo é condenado por escravizar jovem

Casal de São Gonçalo manteve adolescente por 11 anos em regime de escravidão dentro de casa. Foto: PCERJ

Um casal de 61 e 71 anos de idade, foi preso na tarde desta sexta-feira (16), em São Gonçalo, acusado de manter uma adolescente em condições de trabalho análogos à escravidão por 11 anos. Eles foram localizados em uma casa no bairro Boa Vista.

De acordo com a polícia, a menina, órfã de pai e mãe, foi trazida da cidade de São Mateus, interior do estado do Espírito Santo, com apenas 13 anos, com a finalidade de trabalhar como empregada doméstica na residência do casal.

Ainda segundo a polícia, a vítima foi submetida à vontade do casal, sofrendo humilhações, agredida física e verbalmente, além de ser submetida a trabalhos forçados, cumprindo uma jornada de trabalho exaustiva, sem folgas, sem nunca ter recebido salário e sem ter a oportunidade de frequentar a escola. Ela ainda era proibida de ver televisão, sair de casa sozinha, fazer qualquer contato com os irmãos e não possuía documentos, apenas uma Certidão de Nascimento.

Com 25 anos, a jovem conseguiu fugir para a casa de um vizinho, após ser agredida pelo casal, e acabou sendo encaminhada de volta para sua terra natal. Os fatos vieram à tona semanas depois quando o Ministério Público de São Gonçalo recebeu uma carta anônima narrando todo sofrimento vivido pela vítima, o que deu ensejo a investigação.

O casal tinha mandados de prisão oriundos de sentença condenatória pelo crime de redução a condição análoga à escravidão (Art. 149), expedido com base nas investigações conduzidas pela 72ª DP (Mutuá), com apoio do Ministério Público Estadual.

Condenados há uma pena de seis anos de prisão, cada um, o casal foi localizado e preso por policiais Delegacia do Centro de Niterói (76ª DP) e serão encaminhados ao sistema penitenciário, onde começará o cumprimento da pena imposta pela justiça.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');