quarta, 28 de outubro de 2020

PM acaba com esquema de furto de água e energia em SG

Polícia realizou ação para acabar com atividade ilegal. Foto: Marcelo Tavares

A Polícia Militar realiza, através do 7º Batalhão (São Gonçalo), uma operação que visa coibir o furto de água e energia elétrica, na localidade conhecida como ‘Brejal’, no Jardim Bom Retiro, em São Gonçalo, na manhã desta terça-feira (18). Segundo a PM, 11 pontos de furto de água na comunidade foram descobertos.

No final da operação, um caminhão-pipa foi apreendido e quatro pessoas foram conduzidas à 74ª DP (Alcântara). Além disso, os técnicos da SEAS e do Inea emitiram documentos constatando a atividade irregular.

Uma empresa de fornecimento de água potável, localizada na Rua Farroupilha, seria um dos alvos da operação, acusada de furtar água de uma tubulação da Cedae e energia elétrica de um poste da Enel.

A Polícia informou que cerca de 60 caminhões pipa eram abastecidos por dia nos pontos clandestinos e a água era, em seguida, distribuída para venda. No entanto, essa não seria a única empresa a realizar o esquema.

De acordo com a PM, existe a suspeita de que pelo menos 10 empresas funcionariam na comunidade. Os donos das empresas pagariam cerca de R$ 30 mil por mês aos traficantes da região para o funcionamento das atividades ilegais.

Ainda segundo a PM, se for confirmada a informação, os traficantes tem um lucro de quase R$ 4 milhões de reais ao ano.

Essa é mais uma modalidade utilizada pelos criminosos para conseguirem alavancar o lucro, além do tráfico de drogas, segundo a Polícia.

A ação contou com apoio do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) e o Comando de Policiamento Ambiental (BPFMA).

O depoimento dos envolvidos e os documentos farão parte do inquérito instaurado pela 74ª DP (Alcântara). No decorrer da apuração, ficará melhor esclarecido o funcionamento da possível rede criminosa.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

3 thoughts on “PM acaba com esquema de furto de água e energia em SG

  1. Poisé aq na entrada da igrejinha t um caminhão pipa que está fazendo isso a bastante tempo e nos enganar que e da cisterna e só pega vindo está caindo água sempre de madrugada e 5 hora da manha, isso nos prejudica fica muito fraca a nossa água

  2. aqui no Jardim Bom Retiro eles podem fazer isso a vontade pois nem água canalizada nois temos não sei porque da preocupação so se for por causa de outros bairros

  3. Isso é uma manobra política para tirar o foco do problema que a CEDAE está enfrentando com a sua ma gestão durante anos,e agora quando estourou a bomba ela quer minimizar o prejuízo que irá ter com os descontos jogando a culpa nos pipeiros que pagam seus impostos da venda da água que não é furtada,pois nós bairros citados não existe água encanada de qualidade e onde tem é sim uma água suja e barrenta, essa água furtada que eles estão alegando é sim extraída de poços artesianos que custam valores altos para serem perfurados além do maquinário e dos locais de armazenamento incluindo a conta de luz que é através dos relógios trifásicos,e outros documentos necessários, assim com essa manobra a CEDAE conseguiu que todos os pipeiros fossem obrigados a comprar água em sua subestação para revenda fazendo com que aumentasse o custo do produto e prejudicando ainda mais o consumidor,fora que muitos tiveram suas propriedades invadidas,seus reservatórios danificados, caminhões apreendidos e multados, além de acusar um falso pagamento de taxa para o tráfico que após essa acusação pode sim vir a cobrar , infelizmente e desse jeito que o poder público funciona,cada vez mais eles prejudicam o trabalhador e o micro impresario com suas ações, fazendo com que o nosso estado se afunde cada vez mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *