domingo, 27 de setembro de 2020

Polícia combate contrabando de cigarros por milícia no Rio

Policiais civis cumprem hoje (5) mandados de prisão e de busca e apreensão contra suspeitos de integrar uma milícia que atua na zona oeste do Rio de Janeiro. O grupo é apontado como responsável por movimentar a maior rede de comércio de cigarros contrabandeados do estado.

A Polícia Civil não divulgou o número de mandados que estão sendo cumpridos, nem o número de presos até o momento. De acordo com as investigações, que começaram há oito meses, os criminosos, que agem nas regiões de Campo Grande e Santa Cruz, também são suspeitos de lavagem de dinheiro.

Segundo os policiais civis, somente um dos alvos chegou a lucrar mais de R$1 milhão com o comércio ilegal de cigarros. Os criminosos vão responder pelos crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro e receptação. Empresas também são alvos de busca e apreensão por estarem associadas à lavagem de dinheiro.

Agência Brasil

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *