sexta, 18 de setembro de 2020

Polícia investiga ataque com bomba à casa de testemunha do caso Flordelis

Pastor Anderson do Carmo, Flordelis, Rede social
Flordelis foi denunciada como mandate do crime. Foto: Redes Sociais

Uma testemunha no caso do assassinato do pastor Anderson do Carmo denunciou à Polícia Civil ter sofrido um ataque criminoso, na madrugada de sexta-feira (4). Segundo a mulher, uma bomba caseira foi lançada dentro de sua casa, em Itaipuaçu.

O caso foi registrado na Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG), responsável pelas investigações da morte do pastor. Segundo o delegado titular da especializada, Allan Duarte, a testemunha já foi ouvida e um inquérito foi aberto para apurar o ataque.

No último dia 24, a Polícia Civil denunciou a deputada federal Flordelis (PSD) como mandante do assassinato do marido, em junho de 2019, que aconteceu na casa família, no bairro do Badu, em Pendotiba. Apesar da conclusão do inquérito, a parlamentar continua solta por ter foro privilegiado.

O caso da deputada foi encaminhado à corregedoria da Câmara Federal, que está elaborando um relatório, que depois será submetido à análise da mesa diretora. 

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *