sábado, 10 de abril de 2021

‘Rabicó’ age como miliciano e tem lucro milionário no Salgueiro

SALGUEIRO, BR, 101
Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo. Foto: Arquivo/ Pedro Conforte

Tática utilizada por criminosos como forma de obtenção de lucros além do tráfico de drogas, a cobrança por serviços clandestinos e até mesmo para o funcionamento de estabelecimentos vem sendo uma artimanha de traficantes do Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, na busca por maiores rendas. O lucro do crime com as práticas criminosas, além da venda de drogas, supera a marca de R$ 1 milhão/mês.

De acordo com um relatório feito pelo Disque Denúncia, uma forma de obrigar os moradores a utilizarem os serviços clandestinos oferecidos pela criminalidade – como de internet, TV clandestina, botijões de gás e galões de água – é o corte de energia elétrica de quem não adquirir tais serviços. Tudo isso acontece sob a batuta e a organização do ‘chefão do tráfico’ do conjunto de comunidades localizado às margens da BR-101, identificado como Antonio Ilário Ferreira, o ‘Rabicó’.

“Obrigam os moradores da localidade a adquirirem os serviços que são comercializados pelos próprios traficantes da comunidade. Os criminosos ameaçam cortar a energia elétrica dos moradores que se recusarem”.

Trecho do relatório produzido pelo Disque Denúncia
Moradores que não utilizam serviços têm energia cortada. Foto: Lucas Benevides

Segundo o relatório, somente neste ano, foram realizadas 74 denúncias sobre a criminalidade no Complexo do Salgueiro. Entre os principais relatos, estão: a participação de traficantes em recentes roubos de cargas realizados na BR-101, e arrastões na mesma rodovia. De acordo com o relato dos denunciantes, os criminosos levam a carga para o interior do conjunto de comunidades e lá as mercadorias são divididas entre eles.

Outra denúncia relacionada aos criminosos do Salgueiro diz respeito a barricadas instaladas em alguns pontos da região, limitando o trânsito de pedestres e dificultando a ação da polícia em algumas localidades do reduto do Comando Vermelho em São Gonçalo.

Responsável pela circunscrição que abrange o Complexo do Salgueiro, a Delegacia do Mutuá (72ª DP), através do delegado Allan Duarte, afirmou que segue investigando todas as práticas criminosas na localidade.

“Seguimos realizando investigações sobre toda e qualquer atividade criminosa por traficantes daquela região. A 72ª DP vem atuando de forma eficiente no combate ao crime organizado não só no Salgueiro como em toda a área investigada pela nossa delegacia”.

Allan Duarte, delegado titular da 72ª DP

Rabicó tem nomes conhecidos como aliados

Rabicó, como é chamado no mundo do crime, possui aliados conhecidos pelas forças policiais de São Gonçalo. Entre eles, estão Ricardo Severo, o ‘Faustão’, Alessandro Luiz Vieira Moura, o ‘Vinte Anos’, e Rayane Nazareth Cardoso Silveira, a ‘Hello Kitty’, que ganharam abrigo no já conhecido ‘hostel do crime’.

‘Faustão’ é apontado pela polícia como o líder da criminalidade na localidade conhecida como Itaoca. Ele é oriundo da Vila do Cruzeiro, no Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio. Foragido da Justiça desde 2015, quando passou a cumprir pena em regime semiaberto no Instituto Penal Edgard Costa, em Niterói, e não retornou à unidade.

‘Vinte Anos’ é integrante da facção Comando Vermelho e, mesmo dentro do Salgueiro, chefia o tráfico de drogas na comunidade Nova Grécia, em São Gonçalo. Ele ascendeu à liderança da Nova Grécia no início da década de 2000 até ser preso, em 2008, por policiais do 7° BPM (São Gonçalo). Após cumprir parte da pena, conseguiu a progressão para o regime semi-aberto do Instituto Penal Ismael Pereira Sirieiro, mas não voltou ao sistema desde dezembro de 2017.

Já ‘Hello Kitty’ é ligada à facção Comando Vermelho e faz parte do tráfico de drogas que age na Nova Grécia, em São Gonçalo, integrando a ‘Tropa do Vinte Anos’, e estaria presente em quase todas as invasões articuladas pelo seu chefe.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *