quinta, 01 de outubro de 2020

Viúva da Mega-Sena é presa em Tanguá

Adriana Ferreira Almeida Nascimento, “Viúva da Mega-Sena”, foi presa nesta quarta-feira (20) pela Polícia Civil, em Tanguá. Considerada foragida da justiça, a mulher vivia numa casa, no bairro Bandeirante, que era usada como seu esconderijo.

Condenada a 20 anos de prisão, Adriana é acusada de mandar matar o ex-marido Renné Senna que ganhou o prêmio de R$ 52 milhões da Mega-Sena. O crime ocorreu em janeiro de 2007 em Rio Bonito, onde o casal vivia.

No mês passado a Viúva da Mega-Sena teve seu pedido de liberdade negado pela justiça e, desde então, passou a ser considerada foragida.

A mulher foi localizada por agentes da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme).

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *