segunda, 18 de janeiro de 2021

Aumento de salário para secretários é mantido em Niterói

prefeito rodrigo neves em pronunciamento acompanhado por profissional de libras. Foto: Ascom Niterói
Rodrigo Neves informou que o veto foi em acordo com o prefeito eleito Axel Grael. Foto: Ascom Niterói

O prefeito Rodrigo Neves decidiu, nesta quinta-feira (31), vetar o artigo do projeto de lei aprovado na Câmara Municipal que reajustava os salários do prefeito e do vice-prefeito, mas manteve o aumento de salário para os secretários municipais. O prefeito chegou a mencionar o veto parcial em transmissão pela internet. Atualmente cada secretário recebe R$ 12.344,89, com o reajuste de 34% passará para R$ 16.542,15.

Segundo Neves, a decisão do veto parcial foi tomada em comum acordo com o prefeito eleito, Axel Grael, e com o vice-prefeito eleito, Paulo Bagueira. Agora, o projeto será devolvido à Câmara Municipal que vai analisar o veto do prefeito depois do recesso parlamentar.  

Durante o vídeo, Rodrigo Neves também fez um balanço das principais ações adotadas, este ano, no enfrentamento da pandemia do coronavírus e no auxílio a famílias carentes, pequenas e médias empresas da cidade, garantindo renda e a manutenção de empregos. O prefeito falou sobre o aumento de casos de Covid-19 no município a partir da segunda semana de novembro e destacou as medidas restritivas adotadas para conter o avanço da pandemia.

“O número de casos cresceu muito em todo o Brasil nas últimas semanas, e aqui em Niterói nós tivemos um aumento de casos e óbitos pela Covid-19, a partir da segunda semana de novembro. O nosso indicador síntese estava, até outubro, em 5,8, mas com o número de óbitos e casos crescendo, nós observamos um aumento desse indicador, que chegou a 9,5 há uma semana, e hoje está em 8.63, indicando uma estabilização no crescimento que vinha ocorrendo desde o início de novembro”

Rodrigo Neves disse ainda que a taxa de ocupação dos leitos voltou a cair na cidade. Segundo ele, na rede privada a taxa de ocupação estava em 85% e hoje está em 70%. A taxa de ocupação dos leitos públicos, que estava em 75%, caiu para 65%.

“Medidas de restrição mais rígidas seriam adotadas se não conseguíssemos esta estabilidade e o índice-síntese chegasse ao número 10. Esse índice é científico, técnico, e leva em consideração diversos fatores, como taxa de ocupação dos leitos, número de casos, número de óbitos”, enumerou Rodrigo Neves. “Aproveito para reforçar que o maior gesto de amor que podemos ter hoje, último dia do ano, é confraternizar no núcleo familiar, sem aglomeração. É fundamental que todos continuem perseverando nos protocolos de saúde”, reforçou.

O prefeito e o secretário de Saúde, Rodrigo Oliveira, fizeram questão de agradecer a todos os servidores e profissionais de todas as áreas que atuaram no combate ao avanço do coronavírus na cidade.              

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *