segunda, 17 de maio de 2021

Cláudio Castro toma posse como governador do Rio de Janeiro

Publicada às 12h09. Atualizada às 15h50

Eleição, Mesa Diretora, Alerj, Deputados Estaduais, Cláudio Castro, André Ceciliano
Cláudio Castro assume de forma definitiva o cargo de governador do estado do Rio de Janeiro até dezembro de 2022. Foto: Vítor Soares/Arquivo

Após a confirmação do impeachment de Wilson Witzel (PSC), Cláudio Castro assume de forma definitiva o cargo de governador do estado do Rio de Janeiro até dezembro de 2022. A cerimônia de posse aconteceu no Palácio Tiradentes, sede da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), neste sábado (1).

O evento foi iniciado por volta das 11h15 da manhã, Castro, que estava acompanhado da esposa e de seu filho, foi recebido pelo presidente da casa, o deputado André Cecíliano (PT) e outros parlamentares. Durante a posse, Cecíliano resaltou os desafios enfrentados pelo estado e desejou sorte ao novo governador.

“Em mim o senhor terá um amigo até para discordar, mas sempre com lealdade e franqueza na busca de soluções. Mais do que um aliado, o senhor tem um amigo”, disse.

Em seu discurso, Cláudio Castro agradeceu a sua família e afirmou que fará uma gestão baseada no diálogo. Além de citar que irá lutar contra a fome e a geração de empregos no estado. O governador afirmou também o seu compromisso em reduzir os índices de violência.

“Iniciamos hoje um novo tempo na história do Rio de Janeiro, um tempo de reconstrução. O momento é realmente de reconstrução, de firmamos um pacto pela retomada dos empregos, de enfrentarmos a pobreza e a fome, pela vida da população do estado do Rio de Janeiro. Quero fazer um pacto pela recuperação econômica do nosso Rio de Janeiro. O nosso povo precisa voltar a sonhar com o futuro”

Cláudio Castro, governador do Rio de Janeiro.

Castro é filiado ao Partido Social Cristão (PSC) e atua como governador desde agosto de 2020, quando o Superior Tribunal de Justiça (STF) afastou Wilson Witzel do governo, baseado na suspeita de desvios em contratos públicos durante a pandemia da Covid-19.

Supera Rio e Bairro Seguro

Em seu discurso, o governador frisou que o olhar para o futuro requer um foco no presente voltado para a camada da população mais vulnerável. Castro anunciou que começará a ser feito este mês o pagamento do programa Supera Rio, que vai destinar R$ 200 mensais a famílias com renda per capita de até R$ 178.

“Vamos iniciar, em maio, o pagamento do auxílio emergencial, que, combinado com a linha de financiamento aos nossos pequenos empreendedores, beneficiará milhares de famílias e pequenos empresários.  É a máxima das duas vacinas. A primeira está aí, sendo aplicada em nosso povo; e a segunda, que é para combater a fome e o desemprego, chegará nas próximas semanas”, disse.

Também este mês, será lançado o programa Bairro Seguro, que levará policiamento comunitário aos bairros.

“Sonho ver nossas crianças voltarem a andar pelas ruas, assim como fiz em minha juventude, seja em Cambuci ou na Tijuca, onde passei grande parte da minha vida. É meu compromisso reduzir nossos índices de violência, sempre nos baseando em inteligência e investigação. Segurança pública é sinônimo de vida, empregos e desenvolvimento”, concluiu.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');