sábado, 05 de dezembro de 2020

Educação marca dia de campanha de candidatos em Niterói

Candidatos do PSOL durante visita ao Ciep Esther Orestes Botelho, no Cantagalo. Foto: Yasmim Alves – Divulgação

Durante agenda de campanha eleitoral nesta quinta-feira (15) alguns candidatos à prefeitura de Niterói se preocuparam em ouvir demandas da população voltadas ao setor da Educação, em diferentes pontos da cidade.

Flavio Serafini e Josiane Peçanha, ambos do PSOL, começaram o dia na Escola Municipal Francisco Portugal Neves, em Piratininga, que segundo a dupla é a única municipal na Região Oceânica a oferecer os últimos anos do ensino fundamental. Em seguida foram ao Ciep Esther Orestes Botelho, no Cantagalo, onde foram conversar com os profissionais de Educação sobre a necessidade de ampliação de vagas na região.

“O Ciep estava abandonado e, embora municipalizado e reformado, ainda não foi transformado em escola para atender a demanda de falta de vagas da localidade”, disse o candidato a prefeito.

Serafini afirmou que “a Região Oceânica tem 100 mil habitantes e só uma escola com segundo segmento do ensino fundamental. Em Pendotiba temos um déficit de unidades especialmente em horário integral e a prefeitura assume uma Unidade como essa e se recusa a transformá-la em escola. Há uma política de reserva de mercado para o setor privado absurda que está deixando milhares de crianças fora da escola”, contou.

No final do dia, Flavio Serafini participou de uma roda de conversa sobre os desafios para a área de Educação em Niterói com a professora Regina Bienestein, candidata à vereadora pelo PSOL.

A candidata a prefeita de Niterói pelo partido NOVO, Juliana Benício, voltou ao Fonseca nesta quinta onde passou toda a manhã. Segundo ela, uma das maiores queixas dos moradores “foi a baixa qualidade da educação municipal”. Juliana caminhou pelo bairro com a sua equipe de trabalho, apoiadores e os candidatos a vereador pela sigla.

“Tem crianças que chegam ao quarto ano sem saber ler. Niterói tem dinheiro para investir na educação pública, mas não faz o que as nossas crianças precisam e merecem, disse a candidata. A rede municipal de Educação de Niterói, principal responsável pela escolarização até o quinto ano (quarta série) do Ensino Fundamental, ficou com nota média de 5,5 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) e não atingiu a meta para 2019, que era de 5,8”, contou.

Pela manhã a candidata Danielle Bornia (PSTU) interagiu com eleitores nas redes sociais (Instagram, Facebook e Twitter), onde respondeu perguntas dos eleitores e explicou pontos do programa. Das 14:00 às 18:00, gravou vídeos para a campanha nas redes sociais.

“Não teremos tempo de TV e rádio. Isso demonstra como as eleições não são verdadeiramente democráticas. Mas isso não nos abate. Queremos apresentar a cada trabalhador de Niterói que conseguirmos alcançar o programa socialista e a necessidade de uma revolução para transformar radicalmente a sociedade.”, declarou Danielle.

O candidato Deuler da Rocha (PSL), participou, na manhã desta quinta (15) de encontro com moradores da Rua Andrade Neves, no Centro. Ainda pela manhã, esteve visitando o Bairro de Fátima, onde dialogou com moradores e discutiu a forma como o governo atual abandonou o bairro.

No início da tarde, almoçou com empresários em um restaurante do Centro. Ainda na parte da tarde, seguiu para o estúdio de gravação, para produção de vídeos para o horário eleitoral para rádio e televisão.

“O Bairro de Fátima é uma parte esquecida pelo poder público. Ainda mais um bairro que contém um importante hospital municipa. Aqui você nota buracos nas ruas, vazamento de água e esgoto e uma população insatisfeita. Vamos mudar a realidade dessas pessoas”, afirmou Deuler.

Na visita que fez nesta quinta-feira (15) à Associação Pestalozzi de Niterói, em Pendotiba, o candidato a prefeito de Niterói pelo PSD, Felipe Peixoto, disse que o incentivo a instituições sociais é uma das prioridades do seu programa de governo para a cidade.

“Niterói é uma cidade privilegiada em número instituições voltadas a pessoas com deficiência. Já estive aqui na Pestalozzi diversas vezes, e é uma grande satisfação poder retornar logo no início da minha campanha para reforçar a parceria e o compromisso que sempre tive com esta importante entidade, o que faço desde meus tempos de vereador. E vamos ampliar os incentivos, a começar pela questão do Vale Social, antiga demanda da classe. Um tratamento digno não significa apenas ida e volta a clínicas e hospitais. É também preciso dar ao paciente o direito à circulação, contato com a cultura, o lazer e a arte”, afirmou Felipe.

À tarde Felipe e o candidato a vice Bruno Lessa (DEM) se encontraram com lideranças comunitárias em Santa Rosa. A agenda seguiu com panfletagem no Largo do Marrão, em interação direta dos candidatos com a população e apresentação das principais propostas para a região.

O candidato Tuninho Fares (DC) ouviu reclamações dos usuários das barcas com relação aos intervalos, o preço da passagem e a falta de ar condicionado na maioria das embarcações.

Fares afirmou que em seu governo vai buscar com os governos estadual e federal apoio para implantar o metrô que ligará vários municípios. Também afirmou que Niterói será a primeira cidade que não é capital a ter o VLT ligando os bairros ao centro da cidade.

“Caso o metrô não seja implantado, iremos criar 2 estações para o desembarque dos passageiros que vem de outras regiões. Uma será na Niterói-Manilha e a outra entre Santa Bárbara e Caramujo onde os passageiros irão descer e utilizar o VLT até o Terminal Rodoviário João Goulart. Termos estações para desembarque e embarque durante o percurso para aqueles que precisam desembarque e embarcar em outros locais […]”, contou.

O candidato Axel Grael (PDT) apresentou, nesta quinta-feira (15), os seus 12 principais compromissos de governo. Cumprindo todos os protocolos de distanciamento social, o evento reuniu o prefeito Rodrigo Neves (PDT), o candidato a vice Paulo Bagueira (Solidariedade) e representantes da sociedade civil niteroiense.

Axel Grael destacou que a retomada econômica, com geração de empregos, será prioridade nos primeiros meses de seu governo. “Todas as iniciativas dos últimos anos para manter os cofres públicos, a transparência e racionalização de gastos, além das obras estruturantes em diferentes setores, dão hoje a Niterói condições de sair na frente”, disse.

Nas palavras do candidato, “a cidade não é uma ilha e sentirá os reflexos da crise mundial provocada pela pandemia do novo coronavírus”. O prefeitável pontuou que será preciso retomar o ambiente de prosperidade no município no cenário pós-pandemia, com intervenções que estimulem a economia da cidade.

Allan Lyra (PTC) esteve durante a manhã no bairro Santa Rosa e fez panfletagem no Largo do Marrão, onde conversou com os moradores, ouviu as queixas e acolheu as propostas para melhorias na localidade.

No começo da tarde, Allan recebeu em reuniões privadas candidatos a vereador. No início da noite, esteve com o presidente do Instituto Interamericano de Fomento à Educação, Cultura e Ciência(IFEC), o Prof. Dr. Raymundo Nery Stelling Júnior.

Às 21h, Allan Lyra participou de uma live sobre educação com as professoras Andreia Medrado e Fernanda Takitani, ambas pesquisadoras ligadas ao Observatório Interamericano de Biopolítica.

A candidata Renata Esteves (PMB) não divulgou material de campanha nesta quinta-feira (15).

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *