sexta, 30 de outubro de 2020

Maricá quer fiscalização permanente em atuação da Enel

Última reunião aconteceu na Câmara da cidade. Foto: Ibici Silva

A Câmara de Maricá poderá ter uma comissão permanente de energia elétrica para fiscalizar a concessionária Enel, responsável pela distribuição na cidade.

A novidade foi divulgada na última audiência pública da Comissão de Parlamentar de inquérito da Enel (CPI), que aconteceu na manhã desta terça-feira (10), na Câmara de Vereadores.

De acordo com o presidente da CPI, o vereador Cemar Simplício (SDD), é que até o fim deste mês a comissão seja criada.

“Queremos brevidade na criação permanente da comissão na Câmara. A ideia surgiu a partir da conclusão do relatório final da CPI da Enel, pois verificamos as necessidades do contribuinte e no próximo dia 29 irei a Brasília entregar o relatório na Aneel”, explicou. 

A audiência teve como objetivo o dialogo com a companhia italiana e tratar das insatisfações relatadas pela população maricaense com relação ao serviço de energia elétrica.

A diretora de relações institucionais da empresa, Josely Cabral, disse que a partir da CPI houve melhorias na atuação da empresa na cidade

“A CPI foi a oportunidades de melhoria, olhamos para dentro da empresa e verificamos o que era necessário para ser modificado. Além de quatro equipes de podas atuando na cidade, houve o aumento no quadro de funcionários na loja da cidade, além de unidades móveis que atuam nos quatro distritos”, destacou. 

A coordenadora do Procon Maricá, Angélica Spindola, explicou que órgão vem fiscalizando as atualizações da concessionária na cidade.

“Desde 2017 as reclamações aumentaram muito na cidade e o Procon vem atuando nessa fiscalização na cidade, em função do melhor atendimento ao público” completou.

O relatório com o pedido de abertura da comissão permanente de energia elétrica será entregue até a próxima semana as comissões responsáveis para aprovação e votação.

A deputada estadual Zeidan Lula (PT) que preside a CPI estadual contra as concessionárias Enel e Light na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), também participou e abordou questões relacionadas ao andamento dos processos a nível estadual.

Além de Zeidan, também estiveram presentes os vereadores Jocemar dos Santos (SDD) e Marcinho da Construção (DEM), chefe da Comissão de Defesa do Consumidor.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

1 thought on “Maricá quer fiscalização permanente em atuação da Enel

  1. A senhora Ana Maria Araujo Silva que mora na ruaA em jacone .NUmero do cliente e 1978987 4 se encontra sem luz desde segunda feira ja houve varios telefone e ate agora nada.Ana e uma senhora de 67 ou 68 anos e hipertensa e uma senhora de idade e ate agira agora nada ela esta sem telefone e outros serviços que depende da luz e impossivel uma pessoa a noite de idade acorda quer tomar remedio ou mesmo outros serviços que depende da luz e nada.Aguardo uma resposta de vcs o mais rapido possivel isso nao e a primeira grata.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *