domingo, 29 de novembro de 2020

Mendonça substitui Moro como ministro da Justiça

O advogado liderava a Advocacia Geral da União. Foto: Bolsonaro/Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) indicou para o cargo de ministro da Justiça e Segurança Pública o advogado André de Almeira Mendonça. A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (28).

Mendonça estavava a frente da Advocacia Geral da União (AGU). Em seu lucar, assumirá o procurador-geral da Fazenda, José Levi do Amaral. O advogado é pastor da Igreja Presbiteriana Esperança de Brasília, chegou a integrar o governo Temer.

Mendonça substitui o ministro Sérgio Moro na pasta, que deixou o cargo após discordar da exoneração do diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo.

Moro deixou o ministério na semana passada, acusando Bolsonaro de tentativa de interfência no órgão. O Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou abertura de inquérito sobre as declarações.

A troca no comando da PF também foi publicada nesta terça. Quem assume a direção-feral da instituição é o delegado Alexandre Ramagem Rodrigues, que ocupava o comando da Agência Brasileira de Inteligência.

Ramagem tem carreira na Polícia Federal e aparece em fotos de confraternizações do vereador Carlos Bolsonaro, filho do presidente.

Publicado às 7h25. Em atualização.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *