terça, 19 de janeiro de 2021

“O lugar é nosso”, diz Wal Nictheroy sobre cadeira na Câmara

Professora assumirá cadeira na Câmara de Niterói. Foto: Arquivo Pessoal

O vereador reeleito Leonardo Giordano (PCdoB) foi convidado pelo prefeito eleito, Axel Grael, para assumir o cargo de secretário de Cultura de Niterói, nesta sexta-feira (18). O político, que atua há mais de uma década em prol do setor, teve mais de 2,5 mil votos e sua saída deixa uma vaga na Câmara dos Vereadores, que será ocupada pela Professora Walkiria Nictheroy (PCdoB), que teve 1.779 votos.

Giordano informou ter uma grande sintonia com o atual secretário, Victor De Wolf, que considera ter feito um excelente trabalho pela cidade, e afirmou que sua intenção é ampliar cada vez mais essas vitórias. Ele comemorou ainda que sua suplente ocupe o cargo.

“Eu tenho muita alegria pela pessoa qualificada que vai entrar, acho que é muito importante que a câmara tenha uma melhor negra, com competência e representatividade. Me sinto confortável em ir para o governo sabendo que deixo uma pessoa de extrema competência no meu lugar”.

Vereador Leonardo Giordano (PCdoB)

A professora declarou “ser uma honra e uma grande responsabilidade receber a cadeira do Leonardo Giordano, vereador que ela considera ser o melhor de Niterói”.

“Estou muito empolgada e animada. Minha candidatura é uma grande representatividade para as mulheres negras. O lugar é nosso. A política também é para mulheres como eu, a política faz parte das nossas vidas. Vocês também podem, se apoderem! Espero que o meu mandato sirva de exemplo também para isso”.

Walkiria Nictheroy

Proposta

Durante a campanha política, a candidata levantou a bandeira contra a desigualdade social e racial em Niterói.

“Somos a cidade com maior índice de desigualdade racial no Brasil. Minha candidatura é um grito para que Niterói se volte para este outro lado. Para que toda a nossa população se conscientize de que o desenvolvimento e o avanço não são possíveis com tamanha desigualdade e que superar a desigualdade social e racial em nossa cidade é uma tarefa de todos nós. Quero uma Niterói que sorria do asfalto à favela”, dizia o plano de governo de Wal.

Professora e moradora do Morro do Palácio, no Ingá, na Zona Sul da cidade, ela relata que “a trajetória com a educação mostrou que não é só na escola que se constrói o futuro”.

Nota

Em nota, após a nomeação do secretário da cultura, o PcdoB parabenizou o prefeito eleito Axel Grael pela decisão, informando que “essa escolha sinaliza o importante compromisso do futuro governo com a continuidade e avanço das políticas culturais em Niterói”.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *